Face à atualização do subsídio de refeição dos funcionários públicos no Orçamento de Estado, vimos informar que o valor do subsídio de refeição no nosso sector mantem-se para 2017 e o montante não sujeito a IRS e a taxa social única passa, a partir de 1 de janeiro de 2017, a ter os seguintes limites:

Modalidade de pagamento

Valor limite em 2017

  • numerário
  • vales de refeição/cartões de refeição

€ 4,52

€ 7,23