A AIMMP organizou no passado dia 14 de Outubro um grande debate com as empresas do setor sob o tema: A Ameaça ao Abastecimento da Madeira de Pinho nas Indústrias de 1ª transformação de Madeira. O encontro aconteceu no Biocant Park em Cantanhede e contou com a presença do Secretário de Estado das Florestas e do Ordenamento do Território, Engenheiro João Paulo Catarino e mais de uma centena de empresários do setor.

No contexto da ameaça ao Abastecimento da Madeira de Pinho nas Indústrias de 1ª transformação de Madeira, a AIMMP tem vindo a receber de todo o país manifestações de dificuldades crescentes no abastecimento regular de madeira, em quantidade e qualidade. Este não é um problema novo, mas que tem vindo a agudizar-se de forma insustentável nos últimos meses.

No exercício da sua missão associativa e em defesa do sector das Indústrias de Madeira e Mobiliário, a AIMMP tem participado em diversas iniciativas em defesa da floresta em Portugal cuja situação de abandono é inequívoca.  Entre 1995 e 2015 Portugal perdeu 85 Milhões de hectares de floresta de Pinho bravo, situação que se agravou ainda mais depois dos incêndios de 2017, sem que existam ações concretas que demonstrem uma reversão nesta situação.

Com o objetivo de suscitar reflexão e proposta de ação muito concretas, e perante um auditório repleto de empresários e players do setor, o encontro decorreu com enorme participação e um conjunto de oradores de renome no tema “A Ameaça ao Abastecimento da Madeira de Pinho”.