Indicadores Económicos – Comércio Internacional – Agosto 2023

Em agosto de 2023, as exportações e as importações de bens registaram variações homólogas nominais de -7,7% e -16,0%, respetivamente (-10,5% e -8,4%, pela mesma ordem, em julho de 2023). Salientam-se os decréscimos nas importações de Combustíveis e lubrificantes (-47,2%), principalmente de Óleos brutos de petróleo (-78,7%), refletindo sobretudo a descida do preço deste produto no mercado internacional (-77,4%).

Nas exportações, destacam-se as diminuições de Fornecimentos industriais (-15,5%, sobretudo de Pastas celulósicas e papel e produtos Químicos) e de Combustíveis e lubrificantes (-26,4%). Excluindo Combustíveis e lubrificantes, observaram-se diminuições de 5,3% nas exportações e 6,5% nas importações (-6,9% e -0,1%, respetivamente, em julho de 2023).

O défice da balança comercial diminuiu 1 022 milhões de euros face a agosto de 2022, atingindo 2 400 milhões de euros. Excluindo Combustíveis e lubrificantes, o défice diminuiu 189 milhões, totalizando 1 763 milhões de euros.

No trimestre terminado em agosto de 2023, as exportações e as importações diminuíram 7,0% e 10,7%, respetivamente, em relação ao mesmo período de 2022 (-6,8% e -6,9%, pela mesma ordem, no trimestre terminado em julho de 2023).

Consultar o relatório completo

Partilhe na sua rede social favorita!

Artigos Relacionados

AIMMP é convidada para o Programa Sociedade Civil, na RTP2

Estivemos na EXPOFLORESTAL, o grande evento da Floresta

DECARBWOOD premiado na categoria "Responsabilidade Social e Ambiental" pelos Prémios Essência do Ambiente